Empreendedor

empresas-eder

Com 7 anos de idade, juntava moedas para montar minha empresa quando crescesse. As moedas gastei um ano depois com picolés quando dois amigos vieram me visitar. Já a empresa se multiplicou. Quebrei duas, e duas vingaram… 50% está razoável, além de outras estarem nascendo.

A primeira, Loja Rentável era um sistema de cotação que não foi para frente por falta de experiência comercial.

A segunda deu certo, Lince. Com parceiros da Alemanha, Estados Unidos e Suécia, cresceu, desenvolvendo vários projetos, inclusive para a terceira maior fábrica de aeronaves do mundo Embraer. Depois de avançar bastante, despertou o interesse de um dos maiores grupos empresariais brasileiros, o Grupo Algar. A Lince foi comprada por esse grupo.

AioNow foi minha terceira aposta, um sistema bem interessante de mensagens real time entre empresas e clientes. Contudo, novamente por falta de experiência comercial, naufragou.

Já o i-Varejo nasceu de uma parceria com um profissional comercial, com larga experiência em consultoria. Da quarta vez, aprendi e acertei. Essa aplicação web e mobile para supermercadistas tem mais de 80 clientes e vai muito bem, obrigado.

O último desafio, que nasceu em 2016 denominado gaio, se refere a um framework que permite que empresas de todos os setores e tamanhos, tenham acesso gratuitamente a uma tecnologia que permite conectar em múltiplas bases de dados, elaborar análises sofisticadas, construir relatórios e compartilhar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s